Sem categoria

Sindicato dos Metalúrgicos do RJ convoca ocupação do Estaleiro Eisa; leia a nota oficial

A direção do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro segue firme na defesa dos trabalhadores. Entidade centenária, que acabou de aniversariar, se preara para uma mobilização que pode entrar para a história da classe trabalhadora: a ocupação do Estaleiro Eisa.

O Estaleiro Eisa já vem apresentando problemas para os trabalhadores há tempos. Em 2013, inclusive, o documentário vencedor do concurso de vídeos da CTB já demonstrava os dilemas da classe trabalhadora naquele estaleiro. A CTB-RJ, unida ao Sindimetal-Rio, acompanhou a evolução da situação e estará ao lado dos trabalhadores para defender os direitos da categoria.

Abaixo, segue a nota publicada no site do Sindimetal-Rio:

Muitos trabalhadores estão ligando para o Sindicato cobrando uma atitude mais drástica da nossa entidade sobre seus direitos.

O Sindicato está sendo chamado para a luta no dia 15 e estaremos presentes para apoiar no que for preciso a luta dos trabalhadores. Será essa mensagem que vamos dar ao Eisa e ao German.

Se na assembleia do dia 14 não for dado uma resposta concreta, vamos acampar no Eisa, com colchonete, barraca, assessoria jurídica e tudo o que for preciso para forçar o German a pagar os trabalhadores.

Basta! Os trabalhadores já cansaram de tanta enrolação e querem seus direitos imediatamente. Muitos estão passando por muitas necessidades. German está milionário, enquanto os trabalhadores estão na miséria.

O Sindicato tentou acordo com o Eisa para que todos recebessem suas verbas rescisórias, porém o German nunca cumpriu o acordo para pagar os trabalhadores demitidos.

O Sindicato informa que desde que o Eisa fechou esteve sempre ao lado dos trabalhadores. Foi assim que estivemos no ato no aeroporto, quando os trabalhadores ocuparam a entrada da Avianca. Foi assim que também que fizemos uma histórica passeata do Eisa ao aeroporto.

O Sindimetal está com dois processos em favor dos trabalhadores do Eisa. O primeiro pede o bloqueio de bens (arresto de bens) das empresas envolvidas que pertencem ao grupo econômico (Eisa Ilha, Petro Um, Synergy, Avianca, German Efromovich…). Esse é o processo de NÚMERO 0100690-09.2016.5.01.0039.

O outro processo se refere ao dissídio jurídico dos trabalhadores, onde o Sindimetal pede o reconhecimento desse grupo econômico – como citado no outro processo – para garantir o pagamento dos direitos dos trabalhadores. Esse é o processo de NÚMERO 0100006-07.2016.5.01.0000

Basta de enrolação! Ocupação Já

Diretoria do Sindimetal-Rio

Da CTB-RJ

Compartilhar: