Multidão lota a Cinelândia em protesto contra as reformas de Temer e a violência policial

Mais de 30 mil pessoas lotam a Cinelândia, centro do Rio de Janeiro, contra as reformas do governo ilegítimo de Michel Temer e também parar protestar contra a violência policial ocorrida na manifestação da greve geral da sexta-feira (28).

“Neste 1º de maio, os cariocas lotam as ruas da Cidade Maravilhosa para mostrar aos governantes que somos de luta e estamos dispostos a defender nossos direitos e combater todos os retrocessos desse governo machista, racista e homofóbico”, diz Kátia Branco, secretária da Mulher Trabalhadora da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no Rio de Janeiro (CTB-RJ).

Portal CTB

Compartilhar: