Sem categoria

25 de novembro: CTB-SE se mobiliza para o Dia Nacional de Lutas

A CTB-SE já iniciou o processo de mobilização das entidades sindicais filiadas à central para que participem do Dia Nacional de Lutas com greves, paralisações e manifestações, marcado para 25 de novembro. Nessa data, a entidade irá às ruas para dizer não aos projetos do Governo Temer que cortam direitos sociais e trabalhistas e estão em discussão no Congresso Nacional.

“Nós sairemos às ruas em defesa da aposentadoria e da previdência social, e da educação e da saúde que o governo federal que pôr um fim com a PEC 55 que está sendo analisada no Senado Federal. Iremos às ruas também contra as decisões do STF que retiram direitos da classe trabalhadora. Vamos ainda defender mais emprego e a redução de jornada sem redução de salário”, afirma Edival Góes, presidente da CTB/SE.

A Central tem tido uma atuação decisiva na luta contra a perda de direitos dos trabalhadores no Estado. A direção da CTB/SE, que integra a coordenação da Frente Brasil Popular em Sergipe, participou ativamente da organização e execução de diversas manifestações contra os ataques do Governo Temer, a exemplo da que foi realizada no dia 11 de novembro.

Os trabalhadores urbanos e rurais, e os movimentos sociais se reuniram embaixo do Viaduto do DIA, na Zona Sul de Aracaju, onde realizaram um ato público. Em seguida, eles fizeram uma caminhada pela Avenida Adélia Franco denunciando o desmonte da educação, da saúde e das políticas públicas que o governo Temer quer impor aos trabalhadores e à população mais carente do País.

“Nós não podemos aceitar tudo isso passivamente. Temos que ir às ruas para garantir conquistas como o 13º salário, férias e fundo de garantia. O presidente golpista quer aprovar essa PEC 55 no Senado para acabar com todos esses direitos. Ele quer matar a Constituição de 88. Quer tirar o pão, a saúde e a educação do povo. A CTB vai lutar contra esse pacote de maldade desse governo ilegítimo”, ressalta Edival.

Niúra Belfort CTB-SE

Compartilhar: