Sem categoria

CTB promove reunião nacional para debater 1ª Conferência Nacional do Trabalho Decente

Na última quarta-feira (14) a CTB promoveu uma reunião nacional para debater a importância da 1ª Conferência Nacional do Trabalho Decente, marcada para acontecer em março de 2012.

A reunião, conduzida pelo secretário de Política Sindical e Relações Institucionais, Joílson Cardoso, contou com a participação de  dirigentes estaduais (AL, AP, CE, DF, GO, MA, MS, PR, RJ, RS e SP), além dos nacionais, como Nivaldo Santana, vice-presidente; Pascoal Carneiro e Salaciel Vilela, secretário-geral e adjunto, respectivamente; Gilda Almeida, secretária adjunta de Finanças; João Batista Lemos, secretário adjunto de Relações Internacionais; e o assessor jurídico, Renan Arraes.

Tema central da reunião, a Conferência Nacional, levantou diversas preocupações e alertas dos sindicalistas, que consideram de suma importância conscientizar as seções da CTB para a efetiva participação no evento. Durante a abertura da reunião, Joílson salientou a relevância de conscientizar os Estados a se mobilizarem para as discussões feitas nas etapas que antecedem a nacional.  Opinião compartilhada por Salaciel Vilela, que chamou a para a necessidade de, além disso, se considerar os aspectos regionais.

reuniao_trabalho_decente5

Nas diversas intervenções, os dirigentes expuseram as dificuldades regionais, assim como aquelas impostas por outras entidades, que visam obter mais vagas no processo de eleição dos delegados nas conferências municipais e estaduais, que acontecem até outubro deste ano. No entanto, os sindicalistas deixaram visível a vontade e o empenho em participar de todas as etapas e discussões.

Para Nivaldo Santana a conferência é a expressão do avanço democrático. “O debate atual trata sobre a agenda de desenvolvimento e políticas macroeconômicas e devemos ficar atentos, nos guiar pelo documento da 2ª Conferência da Classe Trabalhadora (Conclat), aclamado em 1º de junho, que elegeu uma agenda básica e aprovou resoluções importantes para os trabalhadores”.

 

reuniao_trabaho_decente4

A 1ª Conferência Nacional do Trabalho Decente e Emprego representa um marco importante na discussão de medidas mais efetivas que permitam a erradicação do trabalho escravo, infantil e em condições degradantes no país.

Primeira conferência que o Brasil faz sobre o tema, a conferência do trabalho decente traz uma característica diferente das demais, em função de sua composição. Dos delegados que serão eleitos para esta conferência, 30% serão de empregadores, 30% de empregados, 30% de governos e 10% de entidades da sociedade civil.

O conceito de trabalho decente foi desenvolvido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) ainda nos anos 1990, no contexto de crise mundial do emprego, com um número exorbitante de taxa de desemprego, em todos os países, especialmente nos países centrais. A ideia de trabalho decente é um trabalho realizado em condições adequadas de saúde, segurança, liberdade e com remuneração digna.

Portal CTB

Compartilhar: