Sem categoria

Contag avalia de forma positiva encaminhamentos para educação do campo

O ministro da Educação, Fernando Haddad, se comprometeu a atender reivindicações importantes sobre a Educação do Campo, durante audiência com a Contag, na manhã desta segunda-feira (3), em Brasília. A reunião e as demandas discutidas são desdobramentos da pauta do Grito da Terra Brasil 2009.

Durante a mobilização, em maio, um dos pontos de atrito entre a Contag e o Ministério da Educação (MEC) foi a adoção da Escola Ativa para as turmas multisseriadas. A Contag queria que o MEC ou reformulasse a proposta ou incorporasse outros modelos, para dar opção às escolas e aos professores. Durante a reunião desta segunda-feira, Haddad afirmou que a reformulação dos livros didáticos usados no Escola Ativa devem ficar prontos até o fim de agosto, e serão avaliados pela Comissão Nacional de Educação do Campo (Conec).

O ministro também propôs abrir edital para receber os modelos já existentes. Uma comissão formada por representantes de universidades que trabalham com Educação do Campo e de movimentos sociais irá avaliar as propostas. Aquelas consideradas viáveis serão adequadas para que possam ser usadas em maior escala. Fernando Haddad também se comprometeu com a assinatura de pacto com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) em prol da Educação do Campo. Ele afirmou que a intenção é transformar o pacto em decreto ainda este ano.

O presidente da Contag, Alberto Broch, avaliou a reunião de forma bastante positiva. “O ministro ouviu nossas reivindicações atentamente e encaminhou duas grandes temáticas.
Também foi importante o fato de o próprio Haddad ter marcado reunião, para até 60 dias, para reavaliar as ações”. O secretário de Políticas Sociais da Contag, José Wilson, também comemorou o resultado da reunião. “Se tudo ocorrer da forma como foi encaminhado, satisfaz às reivindicações da Contag, neste processo de construção, até que a política de Educação do Campo que queremos seja efetivada”.

Também estiveram presentes na reunião a vice-presidente da Contag, Alessandra Lunas, a secretária de meio ambiente, Rosicleia dos Santos, o diretor da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad) do MEC, Armênio Schmidt, além de representantes de Federações.

Fonte: Iara Balduino, Agência Contag de Notícias

Compartilhar: