Sem categoria

Bancários farão nesta segunda-feira (12) a passeata da greve em Aracaju

Neste quinto dia de greve nas instituições financeiras, o Sindicato dos Bancários de Sergipe (Seeb-SE) realizará logo mais às 16h, a Passeata “Só a luta te garante”. A concentração será na Praça General Valadão.

Em Sergipe e em todo o País, a greve nacional dos bancários continua. No levantamento da última sexta-feira (9), de acordo com a presidenta do Sindicato dos Bancários de Sergipe (Seeb-SE), Ivânia Pereira, em todo o estado, a greve envolve 174 agências e postos de atendimento bancário. Nacionalmente, segundo informações do Comando Nacional dos Bancários, neste quarto dia de greve, 10.027 agências e 54 centros administrativos tiveram as atividades paralisadas. Este número representa 42,59% das agências bancárias do país e um crescimento de 14% da mobilização, na comparação com o primeiro dia de paralisações.

O Comando Nacional dos Bancários rejeitou a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) de reajuste de 7% no salário. O percentual foi considerado ‘muito rebaixado’, porque sequer cobre a inflação do período, isso porque o INPC de agosto fechou em 9,62%, o que representaria uma perda de 2,39% nos salários. A Fenaban agendou uma nova rodada de negociação com os bancários para a próxima terça-feira (13), em São Paulo.

Em Sergipe No Banco do Estado de Sergipe (Banese), das 20 agências instaladas na capital sergipana, 80% estão sem funcionar. Já no interior, estão paralisadas 82% das 44 agências. Ainda do banco estadual, 50% dos Pontos Banese estão fechados. No Banco do Nordeste do Brasil (BNB), a greve envolve 100% das três agências da capital e no interior, 85% (15 unidades). No Banco do Brasil (BB), na capital, a greve continua em 100% das agências (14 unidades) e 55%, no interior (37). Na Caixa Econômica Federal, o movimento grevista envolve todas as agências da capital (19) e todas localizadas no interior (23). No Bradesco e HSBS, a greve envolve 50% do total das agências na capital (oito) e interior (14). No Santander, a greve envolve 100% das agências (cinco). Já no Itaú, o movimento está em 92% do total das agências, na capital (oito) e no interior (quatro).

Por Déa Jacobina – Seeb-SE

Compartilhar: