CTB/Pará, 12 anos presente na luta sindical.

No dia 03 de maio de 2008, em Belém/PA, foi realizado o I Congresso Estadual, de fundação, da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, seção Pará – CTB/PA.

Ao longo destes 12 anos de existência e experiência política-sindical a CTB se consolidou enquanto representação da classe trabalhadora e na luta sindical paraense, respeitada entre o movimento dos trabalhadores e trabalhadoras no Pará.

A CTB representa categorias de servidores públicos estaduais e municipais, rodoviários urbanos e intermunicipais, carro forte, escolta armada e vigilantes, eletricitários, operários químicos e da construção civil e mobiliário, pescadores artesanais, domésticas, trabalhadores/as rurais, portuários e guardas portuários, trabalhadores ópticos, agentes comunitários de saúde e endemias, bombeiros civis e grande presença entre os trabalhadores/as em educação, estando em todas as regiões do Estado.

São muitas conquistas alcançadas, muitos desafios enfrentados e muitas tarefas vislumbradas pela frente, no contexto de uma pandemia, de vidas ceifadas por um vírus invisível e um verme presidencial no Brasil que ataca os direitos da classe trabalhadora brasileira, são desafiadoras as tarefas de derrotar o coronavirus e o governo Bolsonaro, para interromper a pandemia, salvar vidas, restabelecer a saúde dos brasileiros/as, manter empregos e salários aos trabalhadores/as formais e renda mínima aos informais e desempregados.

Enquanto perspectiva de retomada dos rumos no Brasil para uma agenda nacional de desenvolvimento com distribuição de renda e valorização do trabalho, precisamos implementar o fora Bolsonaro.

Muitas lutas travadas, vários atos e caminhadas nos 1° de maio, Dia Internacional do Trabalhador, e em 2020, vivenciamos uma nova experiência imposta pela conjuntura da pandemia, realizamos o 1° de maio virtual, assim seguimos juntos nas lutas.

A CTB, enquanto Central Sindical Classista, é desafiada para o próximo período continuar crescendo, fortalecendo e mantendo a unidade interna e amplitude externa para cada vez mais defender os interesses da classe trabalhadora paraense e ajudando à CTB Nacional na luta geral do povo brasileiro.

Viva a CTB Pará, viva suas entidades sindicais de bases, viva seus/suas dirigentes fundadores e atuais na consolidação da Central classista.

CTB, a luta é pra valer!
#ForaBolsonaro.

Belém PA, 03 de maio de 2020

Cleber Rezende
Presidente da CTB Pará

Compartilhar: