No Brasil, mais de 77% das famílias estão endividadas

Não está fácil viver no Brasil. De acordo com a CNC (Confederação Nacional do Comércio), em maio, 77,4% das famílias tinham dívidas para pagar. Mais de 28% dos lares têm contas atrasadas. Este é o maior índice desde 2010. 

As famílias enfrentam dificuldades para honrar as dívidas no mês, pois já estão com o orçamento extremamente apertado não só por conta das despesas, mas também pela inflação acima dos 12% anuais. 

Ainda segundo a pesquisa, em abril, o percentual de inadimplentes era de 28,6%. Há um ano, em maio de 2021, o índice era de 24,3%. O equivalente a 4,4 pontos a menos. 

Atualmente, um trabalhador brasileiro ganha, em média, menos de R$ 2.600,00 por mês. Isso é menos do que há 10 anos. A taxa básica de juros da economia, a Selic, está em 12,75% ao ano. O triplo do ano passado, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Fonte: Sindicato dos Bancários da Bahia

Compartilhar: