Vídeo: Enfermeiros em greve tiram a roupa para chamar atenção de autoridades na França

“Já que não somos ouvidos, talvez seremos vistos” é o título do vídeo que já ultrapassou mais de 100 mil visualizações; protesto é contra a precarização de hospitais públicos. Assista.

Um coletivo de enfermeiros decidiu chamar a atenção das autoridades de uma forma diferente após inúmeros protestos não surtirem o efeito esperado.

Servidores da categoria, que já realizou diversas greves pedindo o aumento de 4% no orçamento para hospitais públicos, publicaram um vídeo nesta quinta-feira (23) em que aparecem com o tórax desnudo simulando um monitor de batimentos cardíacos.

Uma linha preta, representando um eletrocardiograma, passa pelo peito de enfermeiros homens e mulheres que aparecem apenas com o torso nas imagens. O “exame” de eletro é intercalado com cenas de corpos em um necrotério.

A intenção da gravação chamada “A défaut d’être entendus, peut-être serons nous vus” (“Já que não somos ouvidos, talvez seremos vistos”, em tradução livre) é alertar para a “morte” dos hospitais públicos. O vídeo original, de autoria do Coletivo Inter Hôpitaux d’Annecy, já tem mais de 115 mil visualizações.

Com informações da RFI

Via Revista Fórum

Compartilhar: