Solidariedade a Cuba em São Paulo

Nos dias 26 e 27 de julho ocorrerão em São Paulo duas atividades de solidariedade a Cuba e ao governo cubano numa conjuntura marcada pelo recrudescimento do bloqueio econômico imposto à Ilha Socialista pelos EUA, reiteradamente condenado pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Dia 26, uma sexta-feira, será realizado um ato em homenagem aos 66 anos do assalto ao quartel Moncada, em Santiago de Cuba, ocorrido em 26 de julho de 1953. A ação revolucionária, liderada por Fidel Castro, foi derrotada pelo ditador Fulgêncio Batista, mas foi considerada o estopim da revolução, que acabou eclodindo no réveillon de 1959. A data, feriado nacional em Cuba, é conhecida como o “Dia da Rebeldia Nacional”. O evento está sendo organizado pela CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil) e o CES (Centro de Estudos Sindicais). Acontecerá na sede do Sindicato dos Eletricitários (centro) das 11h30 às 13h30.

Para o dia seguinte (27 de julho, um sábado) foi convocada pelo Movimento Paulista de Solidariedade a Cuba uma manifestação contra o recrudescimento do bloqueio econômico diante do Consulado dos Estados Unidos, às 10 horas.

Compartilhar: