Diante das ameaças de Trump e Bolsonaro, Venezuela inicia exercícios militares

O ministro da Defesa da Venezuela, Vladimir Padriño López, disse que um dos objetivos dos exercícios militares iniciados nesta segunda-feira é garantir a paz e a soberania do território venezuelano.

Nesta segunda-feira (9), começaram por ordem do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, os exercícios militares denominados “Escudo Bolivariano II 2020”.

O presidente indicou que os exercícios militares buscam consolidar a defesa e a paz da Venezuela.

O lançamento da atividade militar contou com a presença do Ministro da Defesa, Vladimir Padrino López e do Comandante do Comando Operacional Estratégico, Remigio Ceballos.

O ministro da Defesa disse que um dos objetivos do destacamento militar é garantir paz e soberania total sobre todo o território venezuelano.

Segundo as autoridades militares, os novos exercícios aumentarão a prontidão operacional, testarão todos os planos de campanha para a defesa militar da Venezuela, projetados pelo Comando Estratégico Operacional das Forças Armadas do país sul-americano.

Os exercícios militares Escudo Bolivariano II 2020, ocorrerão até a terça-feira (10), informa a Telesul

No último sábado, durante jantar com Jair Bolsonaro, Donald Trump reiterou as ameaças de intervenção golpista na Venezuela. Trump conta com o apoio dos governos de extrema-direita do Brasil e da Colômbia para derrubar o governo de Nicolás Maduro.

Via Brasil 247

Compartilhar: