Cerimônia oficializará entrada da Venezuela no Mercosul

Na próxima terça-feira (31) acontece a cerimônia para oficializar a entrada da Venezuela, como membro pleno do Mercosul.

O bloco já é formado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, que atualmente está suspenso, depois da destituição do ex-presidente Fernando Lugo, que rompeu com a ordem democrática.

A Venezuela nova integrante do Mercosul  manifestou pela primeira vez sua intenção de ingressar no Mercosul em 2001.

Onze anos se passaram até que fosse aceita, porque as regras do bloco estabelecem que os novos integrantes devem ser aprovados pelo Legislativo de todos os países-membros, sem exceção – as decisões do Mercosul são tomadas por consenso. Pouco a pouco, deputados e senadores de todos os integrantes concordaram com a entrada da Venezuela.

No Brasil a aprovação definitiva veio apenas em 2009. Argentina e Uruguai haviam se manifestado favoravelmente dois anos antes. Faltavam somente os paraguaios que insistiam em ser contra a entrada do país amazônico.

Mas agora como o Paraguai está suspenso do bloco e não pode opinar sobras as decisões, com o apoio dos demais membros a Venezuela ingressa. Bolivia e Equador devem ser os próximos.

 

Portal CTB com Rede Brasil Atual

Compartilhar: