SINSEM-GV usa carro de som para alertar a população sobre os riscos da volta às aulas neste momento de pandemia

Por Anderson Pereira

O Sindicato dos Servidores Municipais de Governador Valadares (SINSEM-GV), em Minas Gerais, tem alertado a população sobre o risco da volta às aulas presenciais com um carro de som. O veículo percorre as vias da cidade com a seguinte mensagem:

“Atenção, comunidade escolar. Nada substitui a educação presencial, mas com a pandemia de Covid-19 e sem vacinação não dá. O retorno presencial só é seguro com vacinação para todos, testagem em massa, equipamentos de segurança sanitário e espaços escolares seguros. Trabalhadores em educação de Governador Valadares”.

Clique aqui e assista.

Um dos diretores do sindicato, o servidor José Carlos Maia, comenta:

“Governador Valadares é uma das cidades com mais óbitos por Covid-19 no estado e no Brasil. Para piorar, temos poucos leitos de UTI. Eu também quero o retorno das aulas presenciais o mais rápido possível. Nada substitui um professor ou professora na sala de aula. Mas quero esse retorno com segurança, testagem em massa e, principalmente, vacinação para todos. As vidas das nossas crianças, seus familiares e dos profissionais da educação valem mais”, disse ele.

De acordo com o boletim da Secretaria Municipal de Saúde divulgado no último sábado (6), 601 valadarenses já perderam a vida por causa da pandemia. Atualmente, Minas Gerais vive um colapso no sistema de saúde.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), nessa terça-feira (09), o estado totaliza 928.402 casos e 19.604 mortes.

Os números de mortes e infectados em Minas mais que dobraram este ano em relação ao pico de 2020. As mortes por dia aumentaram 112,4% e os casos confirmados subiram 131,4%.

Compartilhar: