Sindimetal-Rio promove debate o golpe de 64 e a repressão aos metalúrgicos

O Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro e o Grêmio dos Aposentados da categoria  realizarão, no dia 1º de Abril, às 9h, na sede do Sindimetal, um debate com o tema “os metalúrgicos e o golpe militar”.

A atividade acontece no dia em que se completam os 50 anos do golpe e servirá como uma preparação para a militância metalúrgica para o ato que unificará todas as centrais sindicais em um grito contra a Ditadura e em defesa da Democracia e das reformas que o país precisa.

O Sindimetal-Rio foi um das entidades mais vigiadas pelo regime autoritário chegando ao absurdo de ter instalado, em suas dependências, no Palácio dos Metalúrgicos, um Inquérito Policial Militar para investigar os trabalhadores.

O presidente do sindicato, Alex Santos, afirma que a atividade será um espaço de formação e de resgate da história do Sindicato. “O Sindimetal-Rio tem um compromisso histórico com a luta pela democracia e pelo resgate da memória das lutas do povo brasileiro. Realizamos esse debate em respeito à luta que os metalúrgicos travaram contra a ditadura”, afirma.

Serviço:

Data: 1º de abril
Horário: 9h
Local: Sede do Sindimetal-Rio – Rua Ana Neri, 152, Benfica

Compartilhar: