Encontro de Sindicalistas do PCdoB mobiliza para barrar o fim da unicidade sindical e as privatizações

O evento contou também com a participação de dirigentes de centrais sindicais, federações, confederações, sindicatos nacionais e locais e decidiu empreender ações em defesa dos direitos e unidade dos trabalhadores.

No último dia 28/09, a diretoria do Sintect-SP participou do 8° encontro de sindicalistas do PCdoB, realizado no Sindicato dos condutores de São Paulo, debate que se debruçou na discussão da conjuntura atual, marcada pela intensificação da ofensiva do governo Bolsonaro contra a democracia, o meio ambiente, a soberania nacional, o bem estar do povo, pelo desmonte das empresas públicas e os direitos sociais e trabalhistas.

Os alvos principais da agenda reacionária que restaura e radicaliza o projeto neoliberal é contra a classe trabalhadora e o movimento sindical. O debate foi importante para organizarmos a classe trabalhadora para resistir aos ataques contra os direitos dos trabalhadores e em defesa das empresas públicas.

A diretoria do Sintect-SP e demais representantes sindicais debateram dentre outras questões, a emergência de um sistema sindical classista, representativo e estruturado com sustentação financeira e material a partir dos próprios trabalhadores e trabalhadoras e contra o fim da unicidade sindical.

Além das questões sindicais, o Sintect-SP debateu no encontro a importância de uma pauta do partido relacionada à linha de atuação dos comunistas na questão partidária. Destacando como prioridade o lançamento de candidaturas de representantes dos trabalhadores para a disputa eleitoral de 2020.

O encontro de sindicalistas reforçou a importância e a participação das entidades sindicais nos debates nas arenas públicas, na defesa de suas reivindicações e para nos mantermos na resistência, e para isso é necessário um partido forte, estruturado e com ampla participação da classe trabalhadora.

No debate, foi apontado a necessidade de defender as empresas públicas, principalmente os Correios, empresa presente em todos municípios do país e que presta um serviço social fundamental para o povo, principalmente das cidades mais extremas do país. Também foi distribuído o abaixo assinado contra a privatização dos Correios, em que os sindicalistas irão levar em suas bases para coletar assinaturas em defesa da maior Empresa Pública Brasileira – Correios.

A diretoria do Sindicato avalia que foi um evento vitorioso não só pelo grande número de participantes como pela participação de quadros sindicais de importantes entidades e pela qualidade do debate na defesa da unidade dos trabalhadores.

Não fique de fora, venha e participe da luta em defesa do emprego e direitos.

Sintect-SP e Findect em defesa dos trabalhadores dos Correios!

Compartilhar: