Em aniversário de 53 anos, Sindicato de Campo Bom (RS) homenageia sapateiros

No ano em completa 53 anos de fundação o Sindicato dos Sapateiros de Campo Bom vem realizando uma série de atividades alusivas a data histórica. Recentemente aconteceu uma exposição que conta em fotos e reportagens os 53 anos de história desta entidade que se confunde com a própria história do nosso município emancipado em 1959.

Homenageados, homens que ajudaram a construir o sindicato

Também o Sindicato  prestou uma linda homenagem as 53 sócias há mais tempo num belíssimo encontro que foi marcado pela emoção e rara beleza. Na última quinta-feira (18) foi a vez de homenagear os 53 sócios mais antigos do Sindicato. A solenidade aconteceu de forma intimista no salão nobre do Sindicato e contou com a presença de um grande número dos 53 homenageados.

O momento também foi marcado pela emoção de reencontros de velhos amigos que de forma nostálgica recordaram bons momentos vividos dentro das empresas e também junto ao Sindicato. O encontro foi coordenado pelo presidente do Sindicato Vicente Selistre que teceu elogios aos ex-presidentes da entidade, lembrando que cada um destes ajudou a construir um pouco a história do Sindicato, bem como, a riqueza de Campo Bom.

Vicente fez  ampla defesa do sapato e do sapateiro

O presidente Vicente Selistre fez uma ampla e profunda analise da conjuntura, destacando que as crises que afetaram o calçado ocorreram em detrimento da falta de políticas públicas permanentes por parte do governo municipal que permitiu que muitas empresas deixassem a cidade se instalando no nordeste ou até fora do país (Nicaragua).

Vicente salientou que o governo Lula e agora Dilma criaram medidas que beneficiam o setor, além dos projetos e medidas que estão sendo implantadas pelo governo Tarso Genro e Beto Grill que vão beneficiar e muito o setor calçadista.

Por último Vicente Selistre que também é o vice-presidente nacional da CTB perante os homenageados fez uma forte defesa do sapato e do sapateiro, observando que é preciso apoiar quem produz e gera emprego, desde que haja compromissos destes no sentido de manter empregos e aumentar salários. “O sapato é nossa vocação e o sapato não está morto. Nossa luta é pelo fortalecimento do setor. Temos que nos mobilizar no sentido de criar escolas de design, escolas técnicas ligadas ao setor calçadista para produzirmos um sapato com maior qualidade e com isso agregando valor ao produto”, finalizou Vicente Selistre.

Quem também fez uso da palavra foi o x-presidente Neroci Soares que relembrou os momentos difíceis que a entidade passou, bem como, a luta por avanços e conquistas do Sindicato. Neroci Soares que atualmente é presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Campo Bom teceu elogios ao presidente Vicente Selistre destacando a forma austera, transparente e democrática que o Sindicato vem sendo administrado.

Logo após os pronunciamentos os homenageados receberam um Diploma de Honra ao Mérito e um presente das mãos dos dirigentes do Sindicato dos Sapateiros e por último aconteceu um coquetel de confraternização.

Fonte: Sindicato dos Sapateiros de Campo Bom

Compartilhar: