CTB-SE promove Congresso de Servidores Públicos

Edival ctb se

O que esperar de 2015? Qual a importância dos serviços prestados pelos funcionários públicos na atual conjuntura no Brasil e em Sergipe? As respostas para esses temas as lideranças sindicais terão durante a realização do 1º Congresso de Servidores Públicos da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil em Sergipe. O evento já tem data e local marcados para acontecer: 12 de março, no auditório do Sindicato dos Bancários de Sergipe (Seeb), a partir das 9 horas.

A expectativa dos organizadores é reunir cerca de 200 servidores públicos federais, estaduais e municipais de todo o Estado. O secretário do Serviço Público e dos Trabalhadores Públicos da CTB Nacional, João Paulo Ribeiro, já confirmou presença no congresso da CTB-SE. Ele fará uma palestra sobre Conjuntura Nacional e os Reflexos nos Serviços Públicos.

O presidente da Federação Interestadual dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais (Fesempre), Aldo Liberato, também virá a Aracaju para participar do evento e terá a oportunidade de falar sobre as Perspectivas para os Servidores Públicos em 2015. Durante do congresso, os dirigentes sindicais Waldir Rodrigues, do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Sergipe (Sintrase), e Augusto Couto, do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (Sintasa), participarão de uma mesa redonda sobre o Serviço Público no Estado.

“Esse congresso será um marco. A partir dele, nós vamos formar um núcleo de servidores públicos da CTB em Sergipe que vai atuar na Fesempre e na Confederação Nacional dos Servidores Públicos do Brasil, a CSPB”, enfatizou Edival Góes, presidente da CTB-SE. Segundo o dirigente da entidade, os debates vão preparar os servidores para a luta a ser desenvolvida no decorrer de 2015, que inclui a possibilidade de uma greve nacional dessas categorias.

Poderão participar do 1º Congresso de Servidores Públicos da CTB-SE, os dirigentes sindicais de entidades de trabalhadores do Serviço Público filiados à CTB/SE com direito a voz e voto, e as lideranças de outros sindicatos não filiados à Central apenas como observadores. Ao final do evento, os participantes elegerão os delegados que representarão Sergipe no Congresso de Servidores Públicos da CTB Nacional.

Niúra Belfort

Compartilhar: