CTB-MG repudia manifestação do prefeito de Divinópolis contra os servidores públicos

Nessa quinta-feira (10), a diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais (Sintram) de Divinópolis realizou uma manifestação na porta da Prefeitura pedindo a recomposição salarial de 2021. Durante o ato, o prefeito do município, Gleidson Azevedo (PSC), disse que não fará o reajuste, conforme havia prometido durante a sua campanha.

A CTB-MG vem a público manifestar o seu apoio aos trabalhadores e repudiar, de forma veemente, a postura do prefeito. Num vídeo que circula na internet, o chefe do executivo ataca os (as) manifestantes e sindicalistas.

O prefeito talvez não saiba, mas é um direito constitucional de todo trabalhador manifestar-se para defender os seus direitos. E os sindicatos, senhor prefeito, são instituições legítimas de luta da classe trabalhadora.

Portanto, os sindicatos continuarão cobrando de Vossa Excelência as promessas de reajustes firmadas com os servidores públicos.

A correção salarial da categoria é direito constitucional e necessária uma vez que os rendimentos dos servidores foram prejudicados com a inflação dos últimos 12 meses. No último ano, gasolina, alimentos, moradia, vestuário tiveram reajustes. Com isso, o salário dos servidores ficou defasado.

Em nota, o Sintram informou que “lamenta a postura do prefeito de querer jogar a população contra o servidor municipal, servidor esse, que é essencial para o perfeito funcionamento da cidade. A própria pandemia mostrou a importância vital do serviço público prestado pelos servidores.”

A CTB-MG reitera a sua posição de apoio e solidariedade a todos os (as) servidores (as) de Divinópolis.

Juntos, somos mais fortes!

Compartilhar: