Até a Rede Globo reconhece que a democracia acabou no Brasil. Assista!

Ao noticiar a prisão ilegal do ex-ministro de Lula e Dilma, Guido Mantega, e depois a revogação dessa prisão pelo juiz golpista Sergio Moro, o apresentador Evaristo Costa, do Jornal Hoje, da TV Globo, foi translúcido e disse que “Mantega foi quem mais tempo ocupou o cargo de ministro da Fazenda durante a democracia no Brasil”. Exatamente isso: “durante a democracia no Brasil”, não precisa dizer mais nada.

Assista Evaristo Costa em ato falho 

Já no programa Painel, da Globonews, sobre a aceitação pelo juiz Sergio Moro da denúncia feita pelo Ministério Público Federal de Curitiba contra o ex-presidente Lula. A apresentadora Renata Lo Prete ficou com cara de taxo com a análise de Aldo Fornazieri, professor da Escola de Sociologia e Política da Universidade de São Paulo.

“Todas as ações da Lava Jato de um modo geral são politicamente orientadas”, disse. E a decisão de Moro de acatar o pedido do MPF visa, de acordo com Fornazieri, influenciar as eleições municipais deste ano, o movimento “Fora Temer” e atingir a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva em 2018.

Veja o professor Fornazieri 

Portal CTB

Compartilhar: