#13tonsdevermelho: Artistas e intelectuais apoiam Dilma

Dezenas de artistas renomados, entre cantores, compositores, atores e escritores, além de jornalistas e intelectuais, assinam um manifesto de apoio à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) em outubro. “Os brasileiros decidem agora se o caminho em que o país está desde 2003 é positivo e deve ser mantido, melhorado e aprofundado, ou se devemos voltar ao Brasil de antes – o do desemprego, da entrega, da pobreza e da humilhação”, diz trecho do texto.

O manifesto, publicado no site manifesto.dilma.com.br, afirma ainda que “nunca o Brasil havia vivido um processo tão profundo e prolongado de mudança e de justiça social, reconhecendo e assegurando os direitos daqueles que sempre foram abandonados”. Os artistas acreditam que “abandonar esse caminho para retomar fórmulas econômicas que protegem os privilegiados de sempre seria um enorme retrocesso”.

“O brasileiro já pagou um preço demasiado para beneficiar os especuladores e os gananciosos. Não se pode admitir voltar atrás e eliminar os programas sociais, tirar do Estado sua responsabilidade básica e fundamental”, prossegue o manifesto, ressaltando que o Brasil precisa reformular determinadas políticas e aprofundar transformações, mas que precisa “mudar avançando e não recuando”. “O caminho iniciado por Lula e continuado por Dilma é o da primavera de todos os brasileiros. Por isso apoiamos Dilma Rousseff”, conclui o texto.

Entre os que assinam estão atores famosos, como Osmar Prado, Paulo Betti e Matheus Nachtergaele, personalidades da música, como Chico Buarque, Chico Cesar, as cantoras Beth Carvalho e Zezé Motta. Entre os escritores estão Fernando Morais e Luis Fernando Veríssimo, além de intelectuais e jornalistas.

Assista o vídeo de apoio: #13tonsdevermelho

 

Fonte: Brasil 247

 

Compartilhar: