Sindicato denuncia descaso criminoso da direção bolsonarista dos Correios com a vida dos trabalhadores

O descaso da GERAE (Gerência de Atividades Externas dos Correios) é tão grande, que se assemelha com a postura do presidente Bolsonaro em minimizar a gravidade da doença com uma postura totalmente equivocada ao falar com os trabalhadores nas unidades.

Não diferente de outras unidades, nesta segunda-feira, dia 23 de junho, cerca de 20 trabalhadores do CDD Capela do Socorro se ausentaram do trabalho devido à confirmação de contaminação e suspeita aguardando resultado de exames de Covid-19.

A unidade tem quase uma dezena de trabalhadores que já testaram positivo e o GERAE não está nem aí. Não realiza a desinfecção do local, que está sem ventilação adequada, não tem distanciamento de 2 metros conforme primeira hora da empresa, nada… Só vemos o aumento de casos, inclusive dois delegados sindicais ficaram internados devido ao vírus.

Cabe aos representantes da empresa afastarem todo o efetivo do trabalho presencial para evitar a transmissão do novo coronavírus, realizar a desinfecção na unidade e exames/testes de detecção de covid-19 de todos os trabalhadores.

E problema não é só nessa unidade. Veleiros, Santo Amaro, Capão Redondo, Vila das Belezas, Itapecerica da Serra, Campo Limpo, Granja Julieta, Moema e demais unidades da região apresentam aumento rápido dos casos e nenhuma medida efetiva de segurança vem sendo adotada.

Devido à falta de diálogo com direção dos Correios, o SINTECT-SP tem recorrido à Justiça para a garantia do cumprimento de medidas de segurança e ao direito à saúde e vida dos trabalhadores. Será que vão esperar acontecer o pior na região para poder tomar alguma providência?

Fonte: Sintect/SP

Compartilhar: