Fasubra dá início a seu 21º Congresso nesta 3ª feira, em Minas Gerais

fasubra_congresso_cartaz

A cidade de Poços de Caldas (MG) sediará, a partir desta terça-feira (10) o 21º Congresso da Federação de Sindicatos de Trabalhadores  Técnico-administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Confasubra). Este ano, cerca de 1.100 delegados debaterão, até domingo (15), o futuro da categoria e sua valorização.

Instância máxima de deliberação da Federação, o 21º Confasubra será organizado em mesas de interesse e grupos de trabalho, nos quais serão analisadas a conjuntura política e econômica nacional e internacional, seguridade social (previdência), organização e estrutura sindical, questões de gênero, raça e etnia, saúde do trabalhador, relações do trabalho, meio ambiente, comunicação, formação e esporte, Plano Nacional de Educação e negociação coletiva.

O Congresso também tratará de temas específicos em relação à organização da Federação, pois os delegados elegerão a Direção Nacional da Fasubra que irá atuar à frente das lutas dos 170 mil trabalhadores técnico-administrativos das universidades brasileiras pelo biênio 2012/2014.

Uma das metas da atual Direção Nacional da Fasubra para este congresso é que ele resulte na formulação do Plano de Lutas da categoria, que traçará os eixos das futuras campanhas salariais.

Atuação conjunta

A Fasubra participa, juntamente com outras 31 entidades sindicais, do Fórum Nacional de Servidores Públicos Federais (FSPs), que discute a pauta de reivindicações unificada do funcionalismo frente ao governo federal, mas as resoluções a serem levantadas no 21º Confasubra devem influir na discussão sobre a pauta específica dos trabalhadores das Instituições de Ensino Superior.

Atualmente, a Federação administra dos interesses dos trabalhadores técnico-administrativos em educação de 46 sindicatos filiados, que se encontram em plena campanha pela elevação do piso salarial para três salários mínimos.

Hoje, quem presta concurso para cargo administrativo nas instituições federais de ensino superior inicia a carreira com vencimento básico de R$ 1.034,59. Este tem sido um dos motivos que leva os concursados a utilizarem as universidades como trampolim para cargos mais altos da Administração Pública.

Como o governo federal já disse não dispor de recursos no orçamento deste ano para atender as reivindicações tanto do fórum quanto da Fasubra, já existe a sinalização de paralisação de 24 horas no próximo dia 25 de abril, caso não haja reposição inflacionária das perdas salariais, calculadas em 22,8% pelo Dieese. O posicionamento dos técnico-administrativos acerca da adesão à greve vai ser tirado no 21º Congresso.

Convidados

As mesas de interesse, bem como a abertura do evento, contarão com nomes de referência do cenário político nacional, tais como o presidente da CTB, Wagner Gomes, o sociólogo Plínio de Arruda Sampaio, a deputada federal Érica Kokay e o deputado federal Ivan Valente.

Veja abaixo a programação do Congresso:

10 de abril (terça-feira)

8h – Credenciamento
9h – Abertura 10h – Regimento do XXI CONFASUBRA e Aprovação do Estatuto da FASUBRA 11h – Apresentação de TESES
13h às 14h30 – Almoço
15h – Conjuntura Nacional e Internacional
19h – Jantar
21h – Seguridade Social: Previdência, Aposentados e Saúde do Trabalhador

11 de abril (quarta-feira)

9h – Educação
11h – Organização e Estrutura Sindical
12h – Encerramento do Credenciamento e Início do Credenciamento dos Suplentes
13h às 15h – Almoço

Mesas de Interesse
15h às 17h – Mulher, LGBT, Raça, Juventude

18h – Encerramento do Credenciamento dos Suplentes
19h – Jantar
21h – Relações de Trabalho

12 de abril (quinta-feira)

Mesas de Interesse
9h – Meio Ambiente, Comunicação, Formação, Esporte
11h30 às 13h – Almoço
13h30 às 19h – Grupos
19h30 – Jantar 10

13 de abril (sexta-feira)

Mesas de Interesse

9h – EBSERH, PNE e Negociação Coletiva
11h30 às 13h – Almoço
13h30 – Tarde Livre
17h às 19h – Reunião dos Coletivos

14 de abril (sábado)

9h – Plenária Final e Plano de Lutas
18h – Regimento Eleitoral
19h às 22h- Inscrição de Chapas

15 de abril (domingo)

9h às 11h – Eleição
12h às 14h – Apuração dos votos
15h- Posse nova Diretoria (Biênio 2012/2014)
16h – Confraternização

Fonte: Assessoria Fasubra


Leia também: CTB defende unidade em sua tese para o 21º Congresso da Fasubra

Compartilhar: