Farmacêuticos do Nordeste defendem avanços no controle social da saúde

cartaz-ne

A Escola Nacional dos Farmacêuticos em parceria com a Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar) e com o Sindicato dos Farmacêuticos no Estado de Sergipe realiza entre os dias 8 e 9 de novembro, em Aracaju, o 1º Encontro Regional Nordeste de Farmacêuticos no Controle Social da Saúde. “Como o controle social pode colaborar para o uso racional dos medicamentos? Qual o papel dos movimentos sociais e entidades de representação de classe no controle social da saúde?” São algumas das questões a serem respondidas nesse encontro nordestino.

Os organizadores do evento comemoram as conquistas na área da saúde nos últimos anos como os 25 anos do Sistema Único de Saúde (SUS) e os 10 anos da 1ª Conferência Nacional de Medicamentos e Assistência Farmacêutica. No entanto, reconhecem as deficiências do setor no país e por isso festejam o Programa Mais Médicos como um item a mais par ajudar o avanço na melhoria dos serviços de saúde.

O controle social de qualquer setor tem papel fundamental para a formulação e efetivação de políticas públicas. Esse controle é efetivado através de conselhos gestores que são canais efetivos de participação democrática.

O 4º encontro Nacional dos Farmacêuticos no Controle Social da Saúde acontece entre os dias 21 e 22 de novembro, em São Paulo.

Programação Nordeste do Controle Social aqui.

Veja a programação do 4º Encontro.

Inscrição para os eventos aqui.

Portal CTB com informações da organização do evento

Compartilhar: