Conferência Nacional dos Bancários começa sexta em São Paulo

Terá início nesta sexta-feira (25), a 16ª Conferência Nacional dos Bancários, o maior fórum anual de deliberações da categoria no Brasil. O evento, que vai até domingo (27), será realizado no Hotel Bourbon Atibaia (Rodovia Fernão Dias, km 37,5), em Atibaia (SP). Está prevista a participação de delegados eleitos em todo o país. Ao todo serão 696 participantes, incluindo os observadores.

A programação do evento inclui painéis sobre conjuntura, sistema financeiro e mundo do trabalho, bem como estarão em debate as propostas aprovadas nas conferências estaduais e interestaduais e encontros preparatórios em todo o país. Também acontecerá a apresentação dos resultados da consulta feita pelos sindicatos aos bancários para ouvir as prioridades de cada colega para a campanha deste ano.

Os quatro grandes eixos temáticos são: emprego (corte/demissões, rotatividade e terceirização); reestruturação produtiva no sistema financeiro (banco de futuro, correspondentes bancários e bancos pelo celular); remuneração (aumento real, piso salarial e PCS); e condições de trabalho (metas e segurança bancária). Os trabalhos em grupos serão também permeados pela discussão da estratégia da campanha.

Os bancários da CTB  já estão preprados para esse momento, um dos mais importantes nas discussões da campanha salarial. Prontos para o embate, os bancários classistas avisam que vão à luta por melhores condições de trabalho e salário. A categoria quer aumento real de 10%, além da reposição da inflação, e os bancos podem pagar.
 
augusto conferencia“Reivindicamos valorização do piso, com aumento real de 10% mais a inflação do período, combate às metas, que em grande parte causam o assédio moral e provocam o adoecimento, fim das demissões, da terceirização e da rotatividade”, informa o presidente do Sindicato da Bahia, Augusto Vasconcelos.
 
As decisões foram tomadas democraticamente pelos bancários presentes na Conferência Interestadual da Bahia e Sergipe, no último fim de semana, em Salvador. Agora, osdelegados eleitos se preparam para um embate importante, que será defender a pauta na Conferência Nacional.

Todos os itens aprovados serão levados posteriormente para a mesa de negociação com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos). Sem dúvidas, um dos momentos mais tensos da campanha salarial, que exige unidade e mobilização de todos. Confira abaixo a programação completa e fique atento a todos os detalhes dos debates.

Programação

Sexta-feira (25 de julho)

8h30 às 18h: Credenciamento
9h30 às 11h: Painel sobre condições de trabalho e remuneração
11h às 12h30: Painel sobre emprego e reestruturação produtiva
12h30 às 14h30: Almoço.
14h30 às 16h: Painel “Em defesa da democracia – Ditadura Nunca Mais”
16h às 18h: Painel do Plebiscito sobre a Reforma Política
19h: Abertura solene.
21h: Jantar
 
Sábado (26 de julho)

8h30 às 13h: Credenciamento.
9h às 9h30: Votação do regimento interno.
9h30 às 10h: Apresentação dos resultados da consulta 2014.
10h30 às 12h30: Análise de conjuntura.
12h30 às 14h: Almoço.
14h às 18h: Trabalho em grupos – emprego (1), reestruturação produtiva no sistema financeiro (2), remuneração (3) e condições de trabalho (4).
19h: Jantar.
 
Domingo (27 de julho)

9h30 às 9h45: Apresentação da campanha de mídia
9h45 às 13h: Plenária final

Portal CTB com Bancários da Bahia

Compartilhar: