1° de Maio: “Vivemos hoje um atentado à liberdade e à democracia”, diz Adilson Araújo à RBA; assista

Em entrevista à Rede Brasil Atual, o presidente nacional da CTB, Adilson Araújo, afirma que a unidade das centrais sindicais é fundamental na luta da classe trabalhadora na atual conjuntura.

“O 1° de maio de 2018 é um marco histórico e tem um significado maior nesse momento em que vivemos um atentado aos direitos trabalhistas, à democracia e à liberdade”, diz o dirigente.

 Assista: 

Portal CTB 

Compartilhar: