“Nosso mandato defende a Unicidade Sindical”, afirma deputado Vilson Luiz, vice-presidente da CTB

A Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados iniciou nesta quarta-feira (30) os debates sobre o projeto de Reforma Sindical que o governo federal pretende levar para votação no Congresso.

O deputado federal Vilson Luiz (PSB/MG), vice-presidente da CTB e presidente da Fetaeng, deu seu depoimento durante audiência acompanhada por sindicalistas ressaltando que o projeto de Jair Bolsonaro é liquidar com o movimento sindical, cuja missão é defender os direitos e interesses da classe trabalhadora.

“Deixamos clara a posição de que o nosso mandato irá defender as pautas da classe trabalhadora, como a Unicidade Sindical e o fortalecimento dos nossos sindicatos”, ressaltou o parlamentar socialista. “Não vamos aceitar calados mais este ataque aos direitos que conquistamos com tanta luta”, complementou referindo-se à ofensiva contra a Unicidade Sindical.

Compartilhar: