Direção do Metrô e secretário de Transportes de SP apostam na violência para desapropriar sindicato

Os dirigentes do Sindicato dos Metroviários de São Paulo estão indignados com o comportamento do secretário de Transportes de São Paulo, Alexandre Baldy de Sant’Anna Braga, e a direção do Metrô.

“Estamos em negociação para evitar a greve convocada para o dia 9 de setembro. Porém, Baldy e a direção do Metrô apostam numa reintegração violenta”, denunciou a secretária de Comunicação do Sindicato dos Metroviários, Elaine Damásio de Alencar Pereira. A categoria realiza assembleia na próxima quarta-feira (8) para a deliberação final sobre a paralisação.

Leia abaixo o informativo do Sindicato sobre o comportamento intransigente do secretário e da direção da empresa.

Compartilhar: