Sidebar

26
Qua, Jun

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Jovens da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Cuba, Colômbia, Paraguai, Uruguai, e Venezuela participaram do 4º Encontro da Juventude Trabalhadora da Federação Sindical Mundial (FSM) Cone Sul que ocorreu em Buenos Aires nos dias 28, 29 e 30 de setembro.

Encontro da Juventude da Federação Sindical Mundial Cone Sul começa hoje (28) na Argentina

A secretária nacional de Juventude da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Luiza Bezerra, participou da iniciativa junto à delegação brasileira que contou com representantes da Bahia, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Em entrevista ao PortalCTB, a dirigente informou que a formação sindical foi um dos enfoques no plano de ação dos jovens da região. “A juventude precisa se integrar neste projeto já que 2018 foi tirado como o ano da formação da FSM”, expressou ela.

Jovens trabalhadores da Federação Sindical Mundial Cone Sul debatem crise

De acordo com Luiza, a atividade, que contou com a participação de cerca de 400 pessoas, reforçou a questão da unidade internacional da classe trabalhadora “para sairmos desse momento difícil de avanço das forças conservadoras, imperialistas e ultraliberais”, frisou.

Além das exposições, os jovens se dividiram em grupos de debate abordando temas como a crise capitalista, o avanço tecnológico e seu impacto na classe trabalhadora.

Dirigente da CTB saúda encontro de jovens trabalhadores da Federação Sindical Mundial

Durante a ação, os jovens contaram com os relatos dos venezuelanos sobre a situação do país que está sendo duramente atacado por forças conservadoras contra o governo de Nicolás Maduro.

A próxima edição do encontro, que ocorre ano que vem, será sediada pelo Uruguai.

Portal CTB 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.