Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Nesta segunda (4), a partir das 14h, na porta da Prefeitura de São Paulo, os servidores e servidoras públicos de São Paulo realizam manifestação e assembleia para votação de greve pela  revogação do SampaPrev.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Educadores e Educadoras da Infância (Sedin), Claudete Alves, a proposta aumenta a alíquota dos trabalhadores da ativa, dos aposentados e pensionistas de 11% para 14%; cria a SampaPrev, fundação que irá gerenciar a previdência complementar ainda sem regras transparentes; e entrega aos bancos os proventos dos servidores que aplicarão ao sabor do mercado. 

revogaja sampaprev

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault